sábado, agosto 06, 2011

At ease

Nunca o português tem uma acção sua, quebrando com o meio, virando as costas aos vizinhos. Age sempre em grupo, sente sempre em grupo, pensa sempre em grupo. Está sempre à espera dos outros para tudo. E quando, por um milagre de desnacionalização temporária, pratica a traição à Pátria de ter um gesto, um pensamento, ou um sentimento independente, a sua audácia nunca é completa, porque não tira os olhos dos outros, nem a sua atenção da sua crítica.
Fernando Pessoa

O que eu quero dizer é que na realidade a maioria das pessoas pouco se importa com os atentados à liberdade de expressão, DESDE QUE QUEM FALA PENSE COMO ELAS. A meu ver, portanto, não temos problemas de liberdade de expressão. A defesa ou ataque à liberdade de expressão é apenas o argumento mais vulgar e de aparente consciência política, que fica sempre bem invocar em qualquer situação. O que nós temos mesmo, do que sofremos, do que padecemos desde há muito é de um problema de falta de liberdade de pensamento. Por isso, quando lemos alguém com liberdade de pensamento, que sai fora dos parâmetros vulgares e superficiais, que formula juízos próprios ditados apenas pela sua própria ética e consciência, soa-nos sempre mal. Porque exige mais paciência na leitura e mais generosidade intelectual e afetiva. E porque assinar por baixo exige que também se tenha liberdade de pensamento. Como pouca gente tem ou faz uso dessas capacidades, a interpretação sai um tiro ao lado. Então, no final do primeiro parágrafo já estamos tomados pela indignação e lemos tudo o resto na diagonal, possuídos, atormentados, e a escrever já, mentalmente, os direitos e deveres que vamos invocar para arrasar com o autor daquelas imbecilidades que sempre são consideradas fascistas ou comunistas. Portanto, ainda que uma pessoa não use palavrões, não atribua nomes de animais a pessoas e não faça insinuações graves como de crime, roubo ou corrupção, ela será sempre acusada de abusar da liberdade de expressão, quando a única coisa que fez foi exercer, de forma inteira e louvável, a liberdade de pensamento que é rara.
Mãe Preocupada

mensagens populares